Agenda para consolidar o plano nacional de desenvolvimento

0 47

Os representantes das entidades que compõem o Fórum de Planejamento e Desenvolvimento Nacional (FPDN) participaram de reunião, promovida por meio de videoconferência, nesta terça-feira (21/6). No encontro, foram estabelecidas as datas para que cada associação entregue a versão preliminar da sua parte do Plano Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social. O grupo ainda debateu a participação no evento de lançamento do Fórum e no II Seminário da ASSECOR.

O plano foi divido em quatro partes, cada associação ficou responsável por uma dessas. A versão inicial da primeira parte, “Compreensão do problema”, deverá ser entregue pela Associação dos Funcionários do BNDES (AFBNDES) e pela Associação dos Funcionários do IPEA (AFIPEA) até o dia 21 de julho.

A Associação dos Funcionários do Banco do Nordeste (AFBNB), responsável pela segunda parte – “Paradigmas do desenvolvimento”-, deve entregar o trabalho no dia 28 de julho. A terceira, “Cenários”, coordenada pelo representante da ASSECOR, será entregue no dia 4 de agosto. A quarta parte do documento, “Estratégias do desenvolvimento”, será trabalhada em um segundo momento após o avanço das três iniciais.

“Após avaliarmos e debatermos as versões preliminares das partes 1, 2 e 3 definiremos se faremos algum evento anterior ao II Seminário da ASSECOR, que acontecerá em outubro. Mas cada associação fica com autonomia para convidar outras entidades e especialistas para debater e colaborar com a parte que estiver coordenando”, disse o representante da ASSECOR no FPDN, Márcio de Oliveira.

A ASSECOR promoverá nos dias 27 e 28 de outubro, o II Segundo Seminário da Associação, e a ideia é que a tarde do dia último dia seja dedicada exclusivamente à apresentação e debate das Partes 1, 2 e 3 do Plano.

Dezembro de 2012 foi a data determinada para a conclusão dos trabalhos, tendo como produto final uma proposta de Plano Nacional de Desenvolvimento, que será disponibilizada nos sites das associações. O Sumário Executivo deste documento poderá ser publicado como anexo do livro sobre planejamento e orçamento que a ASSECOR pretende lançar em dezembro de 2012. A publicação será formada por uma seleção de artigos da RBPO. “A partir daí, cada associação (e cada um de nós) buscará se articular para, ao menos em parte, conseguirmos emplacar as propostas que iremos apresentar” finalizou Oliveira.

Escopo do Plano

Parte 1: Compreensão do problema

a) Mudanças políticas e econômicas globais e a inserção internacional do Brasil 

b) A sustentabilidade do mundo moderno: recursos naturais, meio ambiente, bem estar social, participação política e relações internacionais

c) O Brasil desigual: disparidades regionais, concentração de renda, a ausência de direitos básicos e a depredação ambiental

Parte 2 – Paradigmas do Desenvolvimento

Parte 3 – Cenários

a) Cenário Global 2030
b) Cenário Brasil 2030

Parte 4 – Estratégias de Desenvolvimento

a)    Política Macroeconômica para o Desenvolvimento

b)    Agendas temáticas e Soluções Específicas Integradas

 

 Camila Jungles, assessora de comunicação da ASSECOR.