Plano de Trabalho para o período 2013-14

227

Plano de Trabalho para o período 2013-14

Assim como em 2010, continuamos entendendo que o fortalecimento e a valorização das funções planejamento e orçamento são fundamentais para o desenvolvimento sustentável e includente do país. Desta forma, resgatar o papel da nossa carreira, ressaltando sua importância para o fortalecimento do Estado e para a construção do país, continua sendo a nossa principal linha de ação.

Por outro lado, a história mostra que não existe categoria de servidores valorizada sem que a respectiva entidade de classe seja forte. Por isso não abandonamos a agenda sindical, ao contrário, nos aproximamos ainda mais das carreiras do ciclo de gestão e as demais carreiras exclusivas de Estado. Todos puderam ver isso na campanha salarial 2011/12. Continuaremos seguindo este caminho.

Atualizamos o plano de trabalho para o período 2013-14, levando em consideração as realizações e o aprendizado que adquirimos nesse mandato.

 

I – FORTALECIMENTO E VALORIZAÇÃO DA CARREIRA

a) Demonstrar a importância da carreira para o Estado e para cada Governo;

b) Expandir a discussão com o Governo para além da pauta salarial;

c) Lutar pela implementação de uma nova legislação sobre a carreira, que privilegie a capacitação, a implantação do SIDEC de maneira ponderada, justa e razoável, a mobilidade e a ampliação do número e do tipo de órgãos ou unidades onde os servidores da carreira possam ser lotados;

d) Articular com fóruns de planejamento e orçamento dos estados e municípios, e também com atores das áreas de gestão, controle, finanças e fiscalização;

e) Consolidar a implantação da ASSECOR Sindical;

f) Cobrar a reestruturação dos setoriais de planejamento e orçamento, resgatando o papel do Sist. Federal de Planejamento e Orçamento no processo de crescimento e desenvolvimento do país.

II – ADMINISTRAÇÃO E TRANSPARÊNCIA

a) Racionalizar custos (fixos e variáveis);

b) Promover campanha de filiação;

c) Prestar contas mensalmente, de forma simplificada, e anualmente de maneira completa, e permitir o livre acesso de qualquer associado à contabilidade, a qualquer tempo.

III – CAPACITAÇÃO

a) Promover debates sobre planejamento e orçamento e sobre o papel e a importância da carreira para o desenvolvimento do país e para a melhoria da prestação dos serviços públicos;

b) Apoiar a produção e a divulgação de artigos técnico-científicos produzidos pelos associados;

c) Propor a criação de um Comitê de Capacitação, como propósito de estabelecer critérios para um Curso de Especialização em Planejamento e Orçamento, de caráter periódico;

d) Buscar espaço de atuação no planejamento e execução dos planos de capacitação do órgão central de planejamento e orçamento federal.

IV – COMUNICAÇÃO

a) Consolidar a RBPO;

b) Divulgar análises de instrumentos de planejamento e orçamento: PPA, LDO, LOA, e outros.

V – ARTICULAÇÃO

a) Avançar na integração com as demais carreiras do Ciclo de Gestão, inclusive com a criação de uma “Federação do Ciclo de Gestão” ou “Federação das Carreiras de Estado”;

b) Aproximação maior com o FONACATE – Fórum Nacional das Carreiras Típicas de Estado.

.VI – SOCIAL

a) Proporcionar ainda mais convênios com empresas prestadoras de serviços;

b) Promover mais eventos para confraternização, com mais divulgação e participação.

Tabela_nova_diretoria_2012.jpg