Assecor celebra a retomada dos concursos para a Carreira de Planejamento e Orçamento

358

A Associação Nacional dos Servidores da Carreira de Planejamento e Orçamento (Assecor) parabeniza o presidente Lula e as ministras Simone Tebet e Esther Dweck pela autorização do concurso para 100 vagas de Analista de Planejamento e Orçamento.
De acordo com o presidente da Assecor, Márcio Gimene, “Muito se fala sobre a necessidade de melhorias no planejamento governamental e na qualidade do gasto público, mas sem o fortalecimento das capacidades estatais nas áreas de planejamento e de orçamento isso continuará sendo um sonho distante.”
Atualmente existe previsão legal para apenas 715 cargos de Analista de Planejamento e Orçamento, sendo que mais de 200 estão vagos. Diante desse quadro, a autorização do concurso para 100 vagas é motivo de comemoração.
O presidente da Assecor alerta, no entanto, que o Sistema de Planejamento e Orçamento Federal precisa de cerca de 1.500 servidores para atender as demandas do órgão central e dos setoriais.
“É fundamental que novos concursos sejam feitos na sequência, com intervalo de no máximo dois anos. Assim será possível oxigenar o órgão central, estruturar as unidades de planejamento e de orçamento de todos os ministérios e instituir uma política de gestão de pessoas que estimule a mobilidade e a permanente qualificação dos servidores da carreira, que poderão contribuir de forma mais efetiva para as transformações estruturais que se fazem necessárias no Brasil”, conclui Gimene.