Índice de Preços ao Consumidor fica em 0,49% na segunda semana de outubro

306

O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) teve inflação de 0,49% na segunda semana de outubro. A taxa é 0,02 ponto percentual inferior aos 0,51% registrados na primeira semana do mês, segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV).

O recuo da taxa foi puxado principalmente pela inflação mais moderada no grupo de despesas educação, leitura e recreação. Os itens desse grupo tiveram aumento de preços de apenas 0,04% na segunda semana de outubro. Na semana anterior, a inflação havia sido 0,45%.

Também tiveram quedas na taxa os grupos transportes (que caiu de 0,49% para 0,38%), comunicação (de 0,92% para 0,67%) e despesas diversas (de 0,16% para 0,14%).

Por outro lado, os alimentos e os itens de vestuário pressionaram a inflação na semana. A taxa do grupo de despesas vestuário passou de 0,23% para 0,6%, enquanto a alta de preços dos alimentos passou de 0,61% para 0,65%. Outros grupos com avanço da inflação foram habitação (de 0,48% para 0,49%) e saúde e cuidados pessoais (de 0,52% para 0,53%). O IPC-S é calculado semanalmente com base em preços coletados no período de um mês.