Sindicatos de servidores federais decidem não entrar em greve agora

112

A plenária de sindicatos de servidores federais realizada, nesta quinta-feira, em Brasília, decidiu não iniciar agora uma greve unificada do funcionalismo da União. Mas a mobilização vai continuar.

Foram marcados o Dia Nacional de Paralisação para 9 de abril e o Dia Nacional de Lutas para 7 de maio. No dia seguinte (8 de maio), haverá uma nova reunião que voltará a discutir a possibilidade de iniciar uma paralisação geral dos servidores.