Alerta! Golpe engana servidores ao prometer restituição previdenciária

0 66

Estelionatários estão utilizando o nome da Secretaria de Previdência do Ministério da Fazenda para aplicar um golpe contra servidores públicos aposentados e pensionistas. Por meio de carta, os criminosos informam que suposto plano previdenciário do servidor estaria encerrado por conta de irregularidades, o que resultaria em um direito à restituição de contribuições previdenciárias indevidas. Em seguida, por telefone, induzem a vítima a pagar uma taxa, cuja finalidade seria acelerar a liberação da suposta restituição. Na verdade, tudo não passa de uma fraude.

O esquema foi denunciado à Secretaria de Previdência por servidores que receberam a carta, expedida em nome de instituições fictícias, como a “União Nacional dos Servidores Público Federal” e a “Federação Nacional de Previdência Privada”.

A Secretaria de Previdência esclarece que todos os serviços e valores a receber, quando realmente existentes, constituem um direito dos servidores públicos, o que significa que são disponibilizados de forma gratuita. Nesses casos, portanto, o servidor não precisa pagar taxas nem realizar depósitos para ter direito a restituições ou reembolsos. A Secretaria de Previdência não entra em contato com os servidores por meio de cartas ou faz qualquer tipo de cobrança para prestar atendimentos e serviços.

A Assecor orienta que os servidores que receberem esse tipo de correspondência procurem a Polícia Civil para o registro de boletim de ocorrência e que os mesmos não forneçam seus dados pessoais a terceiros, já que essas informações podem ser utilizadas para fins ilícitos.