Senado aprova última medida do ajuste fiscal do governo

0 26

O Senado aprovou a proposta que aumenta a contribuição previdenciária de empresas de mais de 50 setores da economia.

Este era o último item do pacote do ajuste fiscal do governo para tentar melhorar as contas públicas. O projeto, aprovado do mesmo jeito que saiu da Câmara dos Deputados, aumenta a contribuição previdenciária que empresas de 56 setores da economia têm que pagar. O que eleva a arrecadação do governo.

Para as empresas que hoje pagam 1% sobre o faturamento, a alíquota passará para 2,5%. Para quem paga 2% passará para 4,5%. Aumento menor para alguns setores, como os de calçados, call center, empresas de comunicação e transportes. Os senadores também mantiveram impostos menores para os itens da cesta básica.

Concluído o processo de votação, agora, só falta a assinatura da presidente Dilma Rousseff.